Decoração de salão de cabeleireiro

Decoração de salão de cabeleireiro

Dedicado aos tratamentos estéticos, o terceiro andar apresenta salas bastante espaçosas, ar refrigerado individual, água quente e fria, com iluminação, sonorização e decoração diferenciados, como merece o spa. Ao lado, ilha das manicures. Na mesma sala há os serviços de maquiagem e corte. 1. Sala de banhos, com deck em madeira cumaru. 2. Tijolinhos rústicos aquecem a área das cadeiras vermelhas de manicures modelo tulipa, Way Design. 3. Terraço com piso em cumaru, ombrelone e poltronas no spa. 4. A recepção com balcão em peroba do campo, nicho iluminado e marca recortada a laser. 5.0 café tem balcão e armários de vidro vermelho. 6. Lavatórios com poltronas pretas e cubas, Van De Velde. 7. Em brise de madeira e vidro, a fachada recebeu letras recortadas a laser e pintura automotiva. 8. A sala de cortes é composta por cadeiras hidráulicas na cor branco fac-to, Van De Velde, e bancada engastada, de cristal 20 mm.

Compartilhe no:
  • Orkut

Passos para abrir seu salão

Passos para abrir seu salão

O cabeleireiro Rudi Werner -que iniciou seu império no Rio de Janeiro – ensina como construir uma trajetória recheada de vitórias no ramo da beleza.
Filho de agricultores, o gaúcho Rudi – que tem mais nove irmãos – usou sua habilidade com as mãos para cultivar a beleza. Aos 21 anos, fez seu primeiro curso de cabeleireiro, no Senac de Porto Alegre. Trinta anos depois, ele, que cobra R$ 330 pelo corte em sua Maison em Ipanema, no Rio, e tem clientes esperando um mês para serem alendiclas, mantém o mesmo entusiasmo, visão empreendedora, ousadia e amor à profissão que o levaram a abrir o primeiro salão, já aos 22 anos, na cidade gaúcha de Canoas. Com 51 anos, garante que chegará ao ápice aos 60.
Hoje, a marca Werner se transformou na maior empresa de salões de beleza do Rio de Janeiro e a segunda do Brasil, com mais de 40 franqueados no país e até em Angola, na África. Uma carreira que deve inspirar muitos profissionais. Para eles, Rudi lançou o livro Beleza – Um Bom Negócio (Editora Senac), com preciosas dicas. “Muito mais que indicações, setas e mapas, procuro compartilhar experiências, acertos, enganos, tropeços e vitórias; revelar ingredientes que podem fazer parte da receita de sucesso”, explica.

Compartilhe no:
  • Orkut

Um cabeleireiro de sucesso

cabeleireiro de sucesso

A arte imita a vida.
Para interpretar Zohan, o agente secreto israelense de múltiplas habilidades que sonhava se tornar um cabeleireiro de sucesso, o ator Adam Sandler precisou de um consultor à altura do personagem: Eytan Ben-David. Ex-soldado das Forças Armadas de Israel, ele atualmente trabalha num salão de Los Angeles. Foi Ben-David quem deu várias dicas a Sandler de como atuar na pele de um hairstylist. Ensinou o astro, por exemplo, a manusear tesouras e secadores e lhe revelou o linguajar utilizado pelos profissionais de beleza. Vale a pena (re)ver o filme, que está disponível em DVD. R$ 30. em média.

Compartilhe no:
  • Orkut

Salão de cabeleireiro

Salão de cabeleireiro

Salão de cabeleireiro. O pernambucano Carlos Alberto Araújo, mais conhecido conto Cadinhos Beauty, passou metade da infância na Paraíba até vir para Brasília ganhar a vida. Hoje, é dono de um salão que leva seu nome, cuida de algumas das cabeças mais famosas da cidade e se tornou uma personalidade no Distrito Federal

Compartilhe no:
  • Orkut

Salão de cabeleireiro

Salão de cabeleireiro

Salão de cabeleireiro.
Um clube de beleza com design e tecnologia a serviço do bem-estar de cada cliente. Este é o conceito do Club Capelli, inaugurado no final do ano passado no Rio de Janeiro.

Compartilhe no:
  • Orkut